quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

Eu estava tão bem na cama


Para me conseguir levantar da cama esta manhã foi uma desgraça. Além dos três despertadores programados (sim, leram bem 3), a minha mãe teve de me vir acordar duas vezes, e eu sem me querer levantar. Nem foi por me ter deitado tarde ontem, pelo contrário foi dos dias (raros) em que me deitei a horas decentes. 30 minutos depois da hora programada, lá me levantei. Preparei-me, eram 9:30h quando estava a sair para a paragem de autocarro. Entretanto recebo uma mensagem a avisar que não ia ter a aula de Português às 11:45h. Tive de voltar para refazer a mala e deixar os livros desnecessários. Já em cima da hora, ainda cheguei a tempo de apanhar o autocarro, mas por pouco! A esta altura já estava um bocadinho mal humorada porque não sabia se teria sido melhor ter faltado para ficar em casa a estudar e a acabar trabalhos. Repensei e era melhor não desperdiçar assim uma falta. Ia ter educação física, às 10:05h chego ao ginásio e não há sinal da professora. 15 minutos depois mandaram-nos embora, a professora não vinha. Eu só pensava "mas porque é que eu não fiquei em casa?!". Já não é a primeira vez que isto acontece, demoro séculos a levantar-me, tenho de me arranjar à pressa, quase que perco o autocarro, depois chego à escola e não tenho aula! Cá para mim devo ter algo de sobrenatural que me "avisa" quando não tenho aula.

P.S.: Ao que parece as professoras faltaram porque uma outra professora morreu ontem com cancro e hoje foi o funeral. Pelo motivo que foi era muito melhor ter tido aulas :/

1 comentário:

  1. ainda estou para conhecer uma pessoa que goste de acordar cedo :D :D
    **

    ResponderEliminar

Share some love and leave a comment! ;)